30 de dez de 2008

Depende de nós... um 2009 melhor

Mais um ano se vai. Mais uma avaliação se faz, e sempre tento procurar um saldo positivo no balanço do ano. Em 2008, me emocionei com César Cielo e Maurren Maggi nas Olimpíadas, e com a despedida do Guga, só pra lembrar alguns fatos do ano. Mas a lição mais importante que aprendi, melhor dizendo, reafirmei, foi o valor de uma amizade sincera. Nesse ano presenciei alguns acontecimentos não muito bons, exemplos de como o ser humano pode ser ingrato e cruel. Não gosto de ver amigos sofrendo, mas algumas coisas a gente aprende observando. Valeu a lição. Minhas maiores alegrias no ano foram:
  • ter conhecido a cidade maravilhosa,
  • a notícia de que serei dinda,
  • ter concluído o primeiro módulo do curso de Mídias e reiniciado o segundo com a notícia de que o curso foi aprovado como pós-graduação (especialização),
  • o presente de ir e conhecer a Bahia, rever meu dindo e sua família,
  • ter conhecido pessoas e lugares especiais que fizeram diferença na minha vida,
  • ter resolvido alguns assuntos mal resolvidos e me libertado de algumas amarras,
  • ter assistido ao show da Mercedes Sosa, Zé Ramalho e Chimarruts,
  • ter participado de seminários que fizeram ampliar minha visão no trabalho,
  • manifestações de apreço dos amigos que sempre são tão boas da gente ouvir,
  • saber das alegrias de meus amigos, pois amigo que é amigo, fica feliz com a felicidade do outro,
  • oportunidades na caminhada espiritual que se apresentam e que aos poucos estou acolhendo.
Alguns filmes mexeram comigo esse ano: Antes de Partir, Caçador de Pipas e Na natureza selvagem.
Músicas que embalaram meu 2008: Rihanna - Don’t Stop The Music , Alicia Keys - No One , Colbie Caillat - Bubbly, Kelly Key - Você é o cara , Danni Carlos - Coisas Que Eu Sei , James Blunt - Same Mistake, Chimarruts - Saber Voar, Armandinho - Semente, Vanessa da Mata - Amado, Darvin - Pensa em mim, Nando Reis - Sou dela, e muitas da Loreena Mckennitt e toda a "velharada" que sempre escuto.
Na TV quase nada merece destaque, exceção para o programa "Som Brasil". Pena que na Globo tudo que é bom é num horário muito louco, e fora dela pouco tenho acesso. Alguns fatos no esporte me emocionaram, mas já mencionei no início desse texto, e nada mais. Enchi o saco do apelo sensacionalista, da exploração da desgraça, tipo pais atirando filhos da janela, famílias que perderam tudo em enchentes, etc.
Aproveito o espaço pra agradecer tudo que recebi nesse ano, todas as lições, todas as oportunidades de estudo, os amigos que chegaram e os que se afastaram, todos os afetos e desafetos (se tive), todas as alegrias e tristezas, toda a fartura e escassez, enfim, tudo que colaborou pro meu crescimento.
Viram? Entre créditos e débitos, o saldo sempre é positivo. Feliz Ano Novo pra nós... Agora é planejar os objetivos pra 2009, ou deixar a vida me levar...
Pra variar, fiz mais um vídeo pra esse momento. Como diz meu amigo Joe, sou piégas... Não tem jeito, melhor assumir de vez. Pronto, a aceitação é o último estágio, dizem... (hehehe)

25 de dez de 2008

Além dessa vida...

Quando voltar para a pátria espiritual, eu, "alma" chegarei vestida de meu perispírito. Não poderei levar meu notebook, nem meu celular com tecnologia 3G... Nem será preciso. Se neste mundo físico os avanços tecnológicos estão em evolução constante, no mundo espiritual já é um show. Sistem de banco de dados, DVD, telão... Sentarei em uma poltrona flutuante, ajustada ao meu tamanho e na direção dos meus olhos, verei uma tela enorme de um material não existente ainda na Terra que alcançar uma nitidez maior que qualquer LCD ou plasma. Lá verei meus melhores e piores momentos, numa megaprodução de deixar Spielberg roxo de inveja. Meus dados, dessa e de outras vidas, estarão num chip minúsculo. Onde a capacidade ultrapassará qualquer "terabyte". Nesse momento descobrirei que tudo que preciso trago comigo, gravado nesse que é a maior "tecnologia", meu perispírito. Todas as informações necessárias para acessar meus dados, reinstalar o sistema, desfragmentar, reparar erros, fazer "upgrades", atualizações... Tudo enfim está em mim.

Texto publicado no Informativo Espírita Renascer. Para saber mais visite: http://renascerscs.pbwiki.com.
OBS: A imagem é de uma planta que muito me encanta desde a infância, o "Dente de Leão". Alguns conhecerm por "Esperança" ou ainda "Amor dos homens". Porque a escolha? Não sei explicar muito bem, só sei dizer que de repente veio essa imagem ao pensar em algo para ilustrar o texto. Talvez porque acalanto o sonho de que um dia meu espírito seja assim como ela, leve, num campo lindo, que quando está no ponto e o vento sopra viaja por vários mundos...

24 de dez de 2008

O espírito natalino me pegou...


Ok, tentei resistir e não consegui. O espírito natalino me pegou e eu acabei fazendo um vídeo de Natal bem piégas... hehehe. Mas adorei a música, que é de um grupo que gosto muito e adorei também catar as imagens na internet e fazer esse mimo. Estou ficando louca por esse negócio de vídeos. Espero que vocês gostem.
Então, dedico o vídeo a vocês meus amigos, de hoje, de muito tempo, aos que eu vejo com frequência, aos que não vejo tanto e também aos que nunca vi. Aos que participam da minha vida, aos que estão presente sempre, aos que não estão e gostariam, aos que chegaram a pouco no meu grupo de amigos, aos que irão permancer e aos que a vida afastar, enfim a todos vocês que de alguma forma eu quero bem. Que a gente consiga fazer o Natal todo dia e colocar em prática a letra da música. Um grande abraço e Feliz Natal!

15 de dez de 2008

Dia Beatle

O primeiro domingo de dezembro é o Dia Beatle em Santa Cruz. É um dia dedicado a uma banda muito especial de Liverpool, que fez história no mundo da música. Nesse dia várias bandas da cidade apresentam duas músicas da "The Beatles" na Praça Getúlio Vargas. O evento é aberto, as bandas não recebem nada além dos aplausos do público (e foram muitos) e faz parte da programação da Christkindfest de Santa Cruz. Essa em especial, eu destaco. É uma noite diferente, onde as pessoas levam suas cadeiras, seus chimarrões e viajam no tempo ouvindo as melodias dos Beatles que marcaram uma época e continuam emocionando gerações que nem conheceram os integrantes do grupo. Como não poderia deixar de ser, sempre tocam Michelle, Help, Let it be, Yesterday, Twist and shout, Hey Jude entre tantas outras... Quem perdeu já sabe, marque no calendário de 2009. Vale a pena.

2 de dez de 2008

40 anos do AI-5

Olá, amigos!
Só para lembrar, esse mês o AI-5 completa 40 anos. Em Santa Cruz do Sul, como em outras cidades, pessoas de movimentos sociais e educacionais se reuniram e elaboraram formas de lembrar esse dia. Cliquem na figura abaixo e vejam a programação que será desenvolvida em Santa Cruz. Se você mora aqui, encontre uma de seu agrado e participe. Senão, se informe sobre a programação que será realizada na sua cidade. Se não houver programação, crie uma sua. Faça algo. Até um simples comentário com amigos ou colegas de trabalho, mas não deixe cair no esquecimento. Reflita sobre os acontecimentos e convide a reflexão. Um povo sem passado é um povo sem futuro. Acontecimentos do passado nos ensinam a melhorar nosso futuro, mesmo que seja vergonhoso como esse em questão. Grande abraço a todos.

1 de dez de 2008

Seminário Proinfo e TV Escola

Aprender, fazer novas amizades, viajar e de avião?! Tudo de bom! Nos dias 18, 19 e 20 de novembro participei do Seminário Proinfo e TV Escola que aconteceu em Florianópolis, na Praia dos Ingleses. Ficamos divididos em três hotéis. Fiquei no Hotel da Praia. O evento mesmo era no Hotel Praiatur. O sol pouco apareceu, mas o seminário estava quente. Tinha calor humano de sobra. No primeiro dia estávamos todos juntos: multiplicadores e técnicos. Já no segundo e último, “cada um no seu quadrado”... (hehehe). Eu explico. Tivemos momentos diferenciados de acordo com a função. Os multiplicadores tiveram oficinas específicas e os técnicos também (certificação digital, georeferenciamento, dual boot, etc). Foi muito legal. Conheci novos colegas, troquei idéias e pra mim tudo era novidade, tudo era festa, pois nunca tinha ido numa formação do Proinfo. Adorei. Nosso projeto foi escolhido como um dos casos de sucesso da região sul. O que muito nos alegrou e acho que não fizemos feio na apresentação. Produzi um vídeo com entrevistas com as professoras do Colégio Barro Vermelho, de Rio Pardo e a Lene fez uma apresentação sobre o projeto. Nas horas vagas, caminhei pela praia, com direito a banho de chuva... E aprendi a jogar bilhar...hehehe. Ganhei até o apelido de “Stellinha do boné”! Acho que a Diana se arrependeu de ter me ensinado, porque ganhei todas dela =D. Mas verdade seja dita, não foi por mérito meu (hihihi). E na volta escapamos por pouco dos deslizamentos, pois deixamos a Praia dos Ingleses na sexta-feira de manhã. Triste ver pela TV a situação da região. Mas os dias de aprendizado no meio daquela paisagem toda vão ficar na lembrança.