22 de nov de 2009

Analista de Bagé, Seminário dos NTE’s, Twitter e algumas @ a mais...

Em novembro, mais atividades. Semana cheia... Ufa! Dei boas risadas com a peça de teatro "Claudio Cunha, o Eterno Analista" (O filho gay e a sexóloga) :D. Foi bem legal. Ri bastante e deu pra desestressar. Até rolou uma entrevistinha surpresa sobre minha expectativa com o espetáculo. Aconteceu também o Seminário dos NTE's, em Porto Alegre, e mais uma vez revi os amigos e colegas que a distância separa, mas as afinidades aproximam. Foram dois dias de instruções e interações. Muito bom abraçar amigos queridos.

Aproveitando que estávamos em Porto Alegre, o amigo, colega, poeta e mais uma lista enorme de títulos, Zé Roig foi mentor do ETC-POA (Encontro de Tuiteiros Culturais de Porto Alegre). O primeiro de muitos que virão, com certeza. O Zé (@zeroig), eu (@georgiastella) e outros NTEenses (@jana_sm, @joanirse e a sem@ Eliane (hehehe))nos rendemos ao Twitter e estamos descobrindo nessa ferramenta muita coisa boa. Pessoas como os novos amigos que fizemos no encontro: @rutevera, @cesar_leao, @CamilaSalvatti, @carolmoralles, @everaldouav, @denisonmendes, @bveto, @jonatasabbott, @esgoncalves, e "otras cositas más". O encontro foi tão bom que não queríamos mais ir embora... Começou na Cachaçaria Água Doce (até perto das 12 badaladas noturnicas), continuou no Cavanhas (até umas 2h30), seguiu numa despedida penosa na frente do Cavanhas (até umas 3h hehehe), andamos resistentes uns poucos passos pra finalmente voltar atrás e terminar a noite no Bar do Marinho (lugar que descrevemos como "aconchegante" hehehe, até às 5h!!!). Teve até momento "voz do povo" com um discurso de um morador de rua que nos abordou e que até o momento nenhum de nós que presenciou o fato conseguiu decifrar (hehehe). Acho que esse discurso foi um dos pontos fortes que a galera resolveu tomar mais uns tragos e terminar a noite no Bar do do Marinho! Depois desse evento comecei a ver o Twitter com outros olhos. E não sei se ele ou outro componente desconhecido, está fazendo uma transformação em mim. Mais uma entre tantas que tenho vivido nessa minha passagem por este planeta (hehehe). Ou só fazendo desabrochar o que eu já tinha em mim. Agora algumas mentes perturbadas (hahaha) que fizeram parte daquele momento estão pensando em reunir a galera novamente. Se o temporal que veio no dia seguinte tivesse começado naquela hora, eu ia me questionar se não havia sido resultado dessa mistura explosiva que foi o encontro de todos esses elementos... ;D. Como dizem por aí: vamô que vamô!!!!
PS: Quem tiver Twitter (ou ficou curioso http://www.twitter.com/), espie e se gostar, nos sigam... ou até nos persigam (hehehehe). Tá feito o convite.
Alerta: Plagiando Lenine advirto: ♫"Se você quer me seguir. Não é seguro."♪ - Depois não digam que não avisei. Fui!

2 comentários:

Cássia disse...

Oi, seu blog é adorável!Neste texto, vi por sua experiência que os melhores prazeres da vida são de graça, sem formatos e planejamento...vou visitar o twitter,tá...abçs...*K*.*

Stella disse...

Resposta:
Oi, Cássia. Adorei ler teu comentário. Realmente, acredito que os maiores e melhores prazeres estão nas coisas simples: um dia de sol, um banho de chuva, o barulho das folhas secas, a gargalhada de uma criança... reunião de amigos. Te espero no Twitter!;D