26 de abr de 2007

Infinito Particular - Marisa Monte

Eis o melhor e o pior de mim
O meu termômetro, o meu quilate
Vem, cara, me retrate
Não é impossível
Eu não sou difícil de ler
Faça sua parte
Eu sou daqui, eu não sou de Marte
Vem, cara, me repara
Não vê, tá na cara, sou porta bandeira de mim
Só não se perca ao entrar
No meu infinito particular
Em alguns instantes
Sou pequenina e também gigante
Vem, cara, se declara
O mundo é portátil
Pra quem não tem nada a esconder
Olha minha cara
É só mistério, não tem segredo
Vem cá, não tenha medo
A água é potável
Daqui você pode beber
Só não se perca ao entrar
No meu infinito particular


Olá! Adoro essa música e postei ela primeiro porque inspirou o título do blog. Aqui, como diz a música, colocarei "o melhor e o pior de mim". "Daqui você pode beber", se assim desejar (hehe). Gosto muito de música, poesia, fotografia, entre outras coisas... então nesse espaço dividirei com vocês meus gostos, minhas paixões , meu infinito particular... (hehe) "Eu não sou difícil de ler", e através de minhas postagens, meus links, etc. você acabará me retratando. "Vem cá, não tenha medo"...

Nenhum comentário: